Luiza, ex-dupla de Maurílio, pede cancelamento de contrato com empresário e que empresa não use imagem e informações dela

  • 06/08/2022

Juiz deferiu pedido para que Workshow e empresário deixem de divulgar Luiza, seja sozinha ou com Maurílio. Magistrado estipulou pena de R$ 25 mil por cada ato de descumprimento. Luiza, ex-dupla de Maurílio, Goiás Reprodução/Instagram A cantora Luiza Martins está processando o escritório Workshow Produções Artísticas e um empresário e sócio da empresa, em Goiás. No documento, ela pede o cancelamento do contrato dela com a empresa e também que a mesma deixe de usar imagens dela sozinha ou com a ex-dupla dela, Maurílio, que morreu em dezembro de 2021. Um juiz deferiu o pedido para que a empresa e o empresário não usem imagem e informações relacionadas à cantora, sob pena de multa de R$ 25 mil por cada ato de descumprimento. Compartilhe no WhatsApp Compartilhe no Telegram Ao g1, a assessoria de imprensa do escritório Workshow Produções Artisticas disse que, por enquanto, o empresário e sócio da empresa, Wander Divino de Oliveira, não vai se posicionar. LEIA TAMBÉM: Luiza faz primeiro show solo em Goiás quase cinco meses após a morte de Maurílio Luiza posta pela 1º vez após morte do parceiro Maurílio: 'Te amo tanto' Luiza entrou com uma ação declaratória de rescisão contratual com pedido de tutela inibitória específica. No dia 24 de junho deste ano, o juiz Éder Jorge deferiu o pedido para que a empresa e o empresário não divulguem mais nenhuma imagem ou informação de Luiza, seja sozinha ou com Maurílio. O g1 questionou o Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO) se cabe recurso da decisão e aguarda resposta. Luiza e Maurílio Reprodução/Instagram Nos autos, consta que, em 2017, após a formação da dupla Luiza e Maurílio, ela assinou um contrato de agenciamento com a empresa e Wander Divino de Oliveira passou a cuidar da carreira dos artistas. No entanto, após desentendimentos, Luiza pede a rescisão do contrato “por culpa exclusiva do réu Wander”. Na ação, Luiza alega que a imagem dela segue sendo divulgada pela empresa e pelo empresário, o que “gera a expectativa” de que eles façam agenciamento de shows dela. A defesa alega que isso implica na "perda de oportunidades" da cantora, que "deixa de receber potenciais contatos para shows”. Com os argumentos, o juiz optou por deferir o pedido de tutela de urgência, determinando que Wander e a Workshow abstenham-se de divulgar a imagem e qualquer informação sobre a carreira de Luiza, seja solo ou em dupla com Maurílio. Além disso, o juiz proíbe que eles se apresentem como empresários dela. O magistrado determinou uma pena de multa por descumprimento, para cada ato, em R$ 25 mil, até o limite inicial de R$ 500 mil. Veja outras notícias da região no g1 Goiás. VÍDEOS: últimas notícias de Goiânia e Região Metropolitana

FONTE: https://g1.globo.com/go/goias/noticia/2022/08/06/luiza-ex-dupla-de-maurilio-pede-cancelamento-de-contrato-com-empresario-e-que-empresa-nao-use-imagem-e-informacoes-dela.ghtml


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

No momento todos os nossos apresentadores estão offline, tente novamente mais tarde, obrigado!

Top 5

top1
1. Diego & Victor Hugo, Bruno & Marrone

Facas

top2
2. Cleber e Cauan Part. Jorge

Pedaço Meu

top3
3. Jorge & Mateus

Lance Individual

top4
4. Os Barões da Pisadinha

Esquema Preferido

top5
5. Hugo e Guilherme

Coração na Cama

Anunciantes